Coisas da Mo

textos de uma mãe, jornalista, cronista…

Show do Bossacucanova em São Paulo agosto 24, 2008

Filed under: dicas — moazevedo21 @ 4:33 am
Tags: , ,

Bossacucanova: Uma Batida Diferente – 50 anos de Bossa Nova

Grupo faz duas apresentações em São Paulo no dia 6 de setembro

 

Bossacucanova é um projeto que virou banda e ficou conhecido por revisitar a música brasileira com extrema competência. Com três discos lançados e muitos shows aqui e no exterior, o trio formado pelo DJ Marcelinho DaLua, o baixista Márcio Menescal e o tecladista Alexandre Moreira apresenta o novo show dia 6 de setembro (sábado) em homenagem aos 50 anos da Bossa Nova: Uma Batida Diferente. São duas apresentações num mesmo dia na Caixa Cultural São Paulo, às 15h e às 19h, com entrada franca.

 

Depois de muitas turnês internacionais pela Europa, EUA, Japão, Austrália, América do Sul e Central e algumas pelo Brasil, o Bossacucanova monta o show “Uma Batida Diferente – 50 anos de Bossa Nova”, em homenagem ao aniversário do gênero. O grupo pensou numa apresentação que não só resgatasse e contasse a história do gênero, como também mostrasse a visão da nova geração da MPB que está fazendo as releituras e desenvolvendo uma linguagem contemporânea para a Bossa Nova.  “Queremos mostrar também que a história da bossa nova é a história de uma geração que acreditou no futuro e conseguiu realizar um sonho de levar sua música aos quatro cantos do mundo”.

 

No repertório os clássicos: Samba de Verão, Águas de Março, Garota de Ipanema, Telefone, Balanço Zona Sul, Água de Beber, Maria Moita e Essa Moça Tá Diferente.

 

O show conta ainda com o reforço sonoro de Cris Delanno (Voz),  DadoBrother (percussão), Flavio Mendes (guitarra), Rodrigo Sha (Sax e Flauta).

 

TRAJETÓRIA

O trio procura se estabelecer não só como produtores, mas também como autores e músicos e acrescentar um toque contemporâneo à tradicional sonoridade do samba e da bossa nova. Quando gravou o primeiro álbum, “Revisited Classics”, o grupo já flertava com o acid jazz, trazendo novas roupagens à clássicos nacionais. O disco foi lançado na Europa e durante a turnê no continente, os rapazes produziram um pocket show para uma rádio universitária. Aí nascia o embrião do segundo projeto: simples, intimista e cheio de suingue. Convidaram Roberto Menescal para ser parceiro e assim nasceu “Brasilidade”, com repertório bossa-nova e duas canções autorais.

 

No terceiro álbum, UMA BATIDA DIFERENTE, congas, violoncelos, sopros, guitarras acústicas, batidas e samples se encontram em perfeita harmonia. O álbum ainda contou com participações mais que especiais como: Adriana Calcanhotto, Simoninha, Marcos Valle, Celso Fonseca, entre outros.

 

“Uma Batida Diferente – 50 Anos de Bossa Nova”

 

* Bossacucanova:

Marcelinho da Lua – Marcio Menescal – Alexandre Moreira

 

* Músicos Bossacucanova:  

Cris Delanno . Voz e flauta

Rodrigo Sha – Sax e flauta

DadoBrother – Percussão

Flávio Mendes – Guitarra

 

SERVIÇO:

Dia 06 de setembro (sábado)

Local: Caixa Cultural São Paulo

Endereço: Praça da Sé, 111

Horário: 15h e 19h

Classificação: Livre

Informações: 11 3321 4400 e www.caixa.gov.br/caixacultural

 

Mariana Aydar e João Bosco com Orquestra Bons Fluidos

Filed under: dicas — moazevedo21 @ 4:32 am
Tags: , , ,

Depois de sete apresentações durante sua segunda turnê pela França – incluindo o festival Montpellier Languedoc-Roussillon, da Radio France, que reúne mais de 100 mil pessoas por edição -, a cantora Mariana Aydar  se apresenta junto com João Bosco no VI Concerto Bons Fluidos, no dia 14 de setembro,  às 11h,  na área externa do Auditório Ibirapuera. O concerto Bons Fluidos promove o encontro, sempre inédito, de vozes da música popular brasileira, acompanhados de uma orquestra. Dona de voz forte e interpretação madura, Mariana apresenta nesse show algumas músicas de João Bosco, acompanhada dele e da Orquestra e outras de seu elogiado CD de estréia, “Kavita 1”, lançado no final de 2006 por aqui e editado posteriormente na Europa (Universal França). Atualmente,  Mariana está concentrada na produção de seu segundo álbum, com previsão de lançamento para o primeiro semestre de 2009. Entrada Gratuita.

 

MOINHO NO RIO

Filed under: dicas — moazevedo21 @ 4:30 am
Tags: , , , ,

Trio faz show no Rio com convidados especiais

Trio faz show no Rio com convidados especiais

MOINHO FAZ FESTA NO CIRCO VOADOR

Banda comemora o sucesso do seu primeiro CD e do hit Esnoba

 

 

Dia 05 de setembro – sexta-feira – 23h

 

 

O Moinho é uma banda meio carioca meio baiana, cheia de samba, suingue, misturas. Duas baianas que adoram o Rio e um carioca que adora a Bahia. O Moinho é pop. Emanuelle Araújo, Lan Lan e Toni Costa se apresentam no Circo Voador, no dia 5 de setembro, em um show empolgante, cheio de suingue e alegria.

 

O Moinho lançou o primeiro CD, intitulado “Hoje de Noite”, em abril, apresentando compositores novos, uma canção do Dorival Caymmi, composições que foram presentes de Nando Reis, Ana Carolina, Mart’nália, Moraes Moreira, músicas próprias, entre outras surpresas. Antes mesmo do lançamento do disco, a banda já tinha emplacado o primeiro single “Esnoba”, na novela das 19h, da Globo, Beleza Pura e nas rádios do Rio de Janeiro. Hoje a música está entre as 10 mais tocadas em todo o Brasil e ganhou ainda mais força com o sucesso da personagem Rakelli, da novela.

 

Além do trio que encabeça a banda – Emanuelle, Toni e Lan Lan – o Moinho conta também com Nara Gil, nos vocais, Pedro Mazzillo, no baixo e Cezinha, na bateria. No repertório, além das músicas do CD, o grupo apresenta os clássicos “Samba Da Minha Terra”, de Caymmi, “A Rita”, de Chico Buarque, “É De Manhã”, de Caetano Veloso, “Aquele Abraço”, de Gilberto Gil e “Vá Morar Com o Diabo” e “Chô Chuá”, de Riachão.

 

O grupo existe há três anos e começou tocando sambas antigos da Bahia, lá pelas bandas da Lapa, reduto do Samba carioca. Dai para músicas autorais foi um pulo. Toni mostrou uma composição dele com Moraes Moreira, Lan Lan apresentou suas músicas e em seguida a banda fez uma parceria com a Mart’nália e o disco começou a tomar corpo. A banda Moinho é alegria, liberdade. É uma mistura de samba, rock, funk e choro. E como definiu Gilberto Gil, Moinho é samba na pressão!

 

SERVIÇO:

Local: Circo Voador

Dia: 5 de setembro (sexta-feira)

Horário: 23h

Abertura da casa: 22h

Ingressos:

R$20,00 para estudantes

R$40,00 Inteira

 

TRACES agosto 18, 2008

Filed under: dicas — moazevedo21 @ 3:16 am
Tags:
Traces - grupo canadense que impressiona

Traces - grupo canadense que impressiona

Imperdivel mesmo é o espetáculo TRACES que acontece em São Paulo e depois segue para o Rio de Janeiro.

Espetáculo ‘Traces’ mistura arte circense, acrobacia, esportes e música

Companhia canadense The 7 Fingers se apresenta pela primeira vez no Brasil.
Integrantes do grupo são considerados reinventores do circo contemporâneo.

(Ligia Nogueira – G1)

Esqueça tudo o que você sabe sobre circo. A partir desta quarta (13), a companhia canadense The 7 Fingers mostra, em temporada em São Paulo (e, em seguida, no Rio de Janeiro e em Porto Alegre), uma maneira bem diferente de expressão artística, com direito a uma trilha sonora que vai do hip hop a Radiohead.

Formada há sete anos por ex-integrantes do Cirque du Soleil, a 7 Doigts de La Main, como também é chamada, em francês, faz uma mistura de acrobacias tradicionais chinesas, esportes de rua, piano clássico e dança – tudo com uma pitada de humor – e não à toa é apontada como a criadora de um novo conceito, o “circo urbano”.

Batizado de “Traces”, o espetáculo – que foi encenado mais de 500 vezes em 13 países diferentes antes de chegar ao Brasil, onde será apresentado pela primeira vez – acontece em um momento imaginário em que a humanidade está à beira de uma catástrofe. Confinados em um abrigo antibombas, cinco personagens vivem seus últimos momentos, mas estão determinados a deixar sua marca pessoal no mundo de todas as maneiras possíveis.

A partir dessa idéia, o espectador se depara com números surpreendentes, a exemplo de uma espécie de “duelo” em que os cinco participantes, todos com idades entre 23 e 26 anos, têm de usar um microfone pendente para falar sobre as suas características pessoais e ainda se revezar em um piano totalmente construído com restos de caixotes de madeira.

“Somos uma companhia jovem, tem seis anos e meio agora. Ela está se desenvolvendo rápido, mas também mudando muito, como uma grande explosão de idéias”, diz Héloise Bourgeois, a única mulher do quinteto que reúne os irmãos Francisco e Raphael Cruz, além de Brad Henderson e Will Underwood. “Nós nos sentimos muito bem no palco e podemos desenvolver os números juntos, levar aspectos pessoais para as performances. É muito divertido.”

Ela conheceu os outros integrantes na Escola Nacional de Circo, em Montreal, no Canadá – os outros já eram amigos desde a adolescência. “Raphael, Francisco, Brad e eu treinamos juntos desde os sete anos em São Francisco”, conta Will.

“Fazíamos acrobacias chinesas [com o diretor do Nanjing Acrobatic Troupe, mestre Lu Yi] e aí todos nos mudamos para Montreal, onde integramos a National Circus School por três anos. Quando encontramos a Héloise, percebemos que rolava o mesmo tipo de energia.”

A sintonia é tanta que todos opinam até na trilha sonora. “Tem muita coisa que ouvimos desde moleques”, conta Brad, que se diz fã de hip hop e bandas de rock. “A última palavra costuma ser dos diretores, mas nós sempre colocamos o nosse toque pessoal em tudo.”

 “Traces” em São Paulo

Quando: de 13 a 24 de agosto (quartas; quintas e sextas-feiras, às 21h30; sábados às 17h e 21h30; e domingos, às 16h e 20h)
Onde: Citibank Hall, Av. dos Jamaris, 213, Moema, tel. (11) 6846-6040
Quanto: de R$ 80 a R$ 160

 “Traces” no Rio de Janeiro

Quando: de 28 a 31 de agosto (quarta-feira, às 21h30; quinta-feira, às 21h30; sexta-feira, às 22h; sábado às 17h e 21h30; e domingo, às 16h e 20h)
Onde: Citibank Hall, Av. Ayrton Senna, 3.000, Barra da Tijuca, tel. 0300-7896846
Quanto: de R$ 60 a R$ 140

 “Traces” em Porto Alegre

Quando: de 4 a 7 de setembro (quinta a sábado, às 21h; e domingo, às 16h)
Onde: Teatro do Bourbon Country, R. Túlio de Rose, 100, 2º pavimento, tel. 8401-0555  
Quanto: de R$ 50 a R$ 250

 

Mariana Aydar e João Bosco em SP

Filed under: Sem-categoria — moazevedo21 @ 3:06 am
Tags: , ,

Dia 14 de setembro, um bom programa é ir ao Parque Ibirapuera e conferir Mariana Aydar e João Bosco se apresentando junto com a Orquestra Bons Fluidos.

Programa Imperdível.

 

Um outro Google agosto 8, 2008

Filed under: dicas — moazevedo21 @ 7:45 pm
Tags:

Um novo buscador, o Cuil (lê-se cool, termo em inglês para “legal”), fez barulho na internet na semana passada. O site foi criado por três ex-funcionários do Google, liderados pela programadora Anna Patterson. Eles afirmam que o Cuil busca informações num índice de 120 bilhões de páginas e tem desempenho melhor que o Google porque compreende melhor os dados das páginas e os termos da pesquisa. O Google afirma analisar 1 trilhão de páginas, embora nem todas façam parte de seu índice. Por enquanto, a maioria do conteúdo analisado pelo Cuil está em inglês. Nos resultados das buscas, o site mostra trechos das páginas, em vez de uma lista.

(fonte: bombou na web)

 

Nos dias de hoje… agosto 1, 2008

Filed under: Sem-categoria — moazevedo21 @ 8:36 pm
Maristela Beltrão

Maristela Beltrão